Bem-Estar

Não há super mulheres

Durante alguns anos achei que era a super mulher e estava tão redondamente enganada! Eu não era a super mulher, não há super mulheres!


Nós mulheres achamos sempre que conseguimos esticar a corda mais um pouco, que aguentamos sempre um pouco mais, que somos insubstituíveis, que carregamos ao mundo às costas, ou seja, quase todas assumimos uma série de papéis na nossa vida em simultâneo, o que não é de todo viável.


E se ainda pensam assim, está na altura de partilhar convosco os meus erros!


Nos tempos em que me achava a super mulher, para além de viver em modo piloto automático, de não tomar decisões conscientes, de não parar para refletir e analisar que caminhos estava a escolher, cometi erros atrás de erros!

Principais erros das super mulheres

  • não dormem o suficiente;
  • não se alimentam de forma saudável;
  • não descansam;
  • trabalham muitas horas;
  • não sabem dizer não;
  • não cuidam da sua saúde;
  • não fazem check-ups regulares;
  • não ouvem os sinais do seu corpo;
  • não cuidam da sua saúde mental;
  • não têm hobbies;
  • assumem a responsabilidade de toda a gestão doméstica;
  • querem estar sempre presentes em todo o lado;
  • andam sempre a correr;
  • não aceitem menos do que a perfeição;
  • não desfrutam da vida;
  • não conseguem estar sem fazer nada;
  • não se lembram do caminho que fazem do trabalho para casa;
  • são adeptas fervorosas do multitasking;
  • a sua frase favorita é: “não tenho tempo”;
  • são extremamente exigentes consigo mesmas;
  • sentem-se frustadas com a sua vida;
  • não acreditam que algum dia as suas vidas pode mudar;
  • não largam o seu smartphone;
  • distraem-se facilmente nas redes sociais;
  • comparam-se com outras “super mulheres”;
  • não sabem estar offline;
  • sentem-se péssimas mães;

Agora que parei para pensar: foram tantos os meus erros!!! Felizmente consegui parar, refletir e fazer pequenas mudanças (a viagem de mil passos começar com um único passo) antes que as consequências fossem irreparáveis. Portanto só tenho a dizer, mas que bela aprendizagem!!


Estes foram alguns dos meus erros mais frequentes que decidi partilhar contigo, para que não os cometas e para que não te deixes levar pela super heroína que vive dentro de ti! Repete comigo o mantra:

Eu não sou a super mulher!

Eu não sou super mulher (e ainda bem), se queres começar este caminho de auto-descoberta e aprendizagem comigo podes começar com os 3 cursos online do Pack cuidar + de mim ou avançar para as sessões de mentoria individual.

Se gostaste deste artigo guarda-o no Pinterest

(Visited 541 times, 2 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *