Mapas mentais para aumentar a clareza mental

Mapas mentais para aumentar a clareza mental

mapas mentais

Neste artigo vamos ver como os mapas mentais nos podem ajudar a aumentar a clareza mental, como os podemos usar e quando. Mas antes de falarmos sobre esta ferramenta preciosa, os mapas mentais, vamos clarificar o que é a clareza mental! 



O que é a clareza mental?

Então, a clareza mental é como uma tomada de consciência do que se passa na nossa mente. Cuidamos muito do corpo e esquecemo-nos da mente, e se não for totalmente claro para nós o que se passa na nossa mente, deixamos de ver o céu totalmente azul e começam a surgir dúvidas. Portanto, ter clareza mental é fundamental para podermos tomar decisões mais conscientes e fazermos as escolhas que nos aproximam mais dos nossos objetivos e propósito. 

A ausência de clareza mental tem imensas consequências no dia-a-dia e a curto prazo, tais como a dificuldade na gestão do tempo, decréscimo de produtividade, ausência de rotinas e insatisfação e a médio, longo prazo: no alcance de objetivos, concretização de sonhos, sucesso de projetos e na nossa felicidade. 

Existem várias ferramentas que podemos colocar em prática para melhorar e trabalhar a nossa clareza mental:

Muitos destes temas têm sido abordados por mim ao longo do tempo, quer no meu site, quer nas redes sociais, nomeadamente no instagram. Neste artigo vou falar de Mapas mentais e como estes te podem ajudar a conseguir dissipar as nuvens e a trazer o céu azul de volta, que é como quem diz, a clareza mental. 



O que são mapas mentais?

Os mapas mentais são um tipo de diagrama utilizados para facilitar a aprendizagem e a memorização, a longo prazo, de qualquer tipo de conteúdo, assim como para a organização de ideias.Foram desenvolvidos na década de 70 pelo inglês Tony Buzan e têm ganho muito espaço no contexto da Programação Neurolinguística (PNL).


Geralmente, anotamos as informações de maneira passiva, numa simples repetição. Quando se faz um mapa mental, fragmentamos o conteúdo de forma a criar um raciocínio lógico, o que facilita a sua compreensão e memorização.Podemos dizer que os Mapas Mentais são uma ferramenta utilizada para organizarmemorizar ou analisar um conteúdo em específico.



Benefícios dos mapas mentais

  • Maior flexibilidade: graças à sua estrutura, é mais fácil adicionar novas informações
  • Facilidade em memorizar e organizar: o mapa mental organiza as informações da mesma maneira que elas são organizadas no nosso cérebro: através de associações. Por isso, é muito mais fácil memorizá-las ou entendê-las.
  • Visualização: de forma gráfica as informações podem ser visualizadas e compreendidas de maneira mais simples.
  • Recursos gráficos: o mapa mental pode incluir símbolos, cores e outros itens para ajudar na memorização.


Como fazer mapas mentais?

Podes começar por ver nesta pesquisa de Pinterest exemplos de Mapas Mentais. No entanto para fazer mapas mentais de forma manual vais precisar de:

  • papel;
  • canetas coloridas;
  • criatividade;

Numa folha de papel lisa, preferencialmente A4 ou A3, começa por escrever no centro o tema principal. A partir daí, desenha setas para os principais tópicos relacionados ao tema principal e e, em seguida, continua a ramificação com novos sub-tópicos (escreve sempre do centro para as extremidades).

Podes ainda utilizar as palavras-chave para o tema em questão, utilizar letras grandes, coloridas uma vez que o estímulo visual logo a memorização será maior.



Em resumo:

1. Começar pelo tema central.

2. Usar palavras-chave de cada ideia.

3. Existe uma hierarquia dos conceitos, de modo que os conceitos mais gerais estejam mais próximos do centro. Esta hierarquia decrescente de importância pode ser comparada com uma árvore: raiz, troncos, galhos, ramos e folhas.

4. Usar imagens ou símbolos associados às palavras chave.

5. Pintar com cores diferentes para sobressair cada tema.

Há ainda softwares que ajudam a fazer mapas mentais, como o MindMeister. No entanto, está comprovado que os mapas manuscritos registam melhor a informação, pela forma cinestésica como envolvem as mãos, podemos até fazer a comparação com o Journaling no qual se recomenda a escrita manual. 



Como criar mapas mentais?

Faz o download gratuito deste guia abaixo para saberes passo a passo como criar os teus mapas mentais e descobre os esquemas que mais utilizo.

.

Se gostaste deste artigo, guarda-o no Pinterest

Leave A Comment

O seu endereço de email não será publicado.